O que é security token e qual sua importância no mercado atual?

As inovações do mercado acontecem com muita rapidez. Seja através de mudanças na cultura corporativa ou em estruturas organizacionais, como o diferente modelo de squads, fato é que a dinâmica do mercado é ágil e pode mudar todas as áreas. Essas novas ideias chegam até mesmo nas possibilidades de transações e investimentos,  a exemplo das mais conhecidas criptomoedas e, mais recentemente, os tokens. Com tantas mudanças, pode ser difícil acompanhar todas as tendências, por isso resolvemos esclarecer aqui o que é Security Token.

O que é Token?

Para entender o que é Security Token, precisamos mergulhar na origem do conceito e entender o que é token. A palavra token define um elemento que represente outro, seja um objeto físico ou não. Os tokens são feitos com base nos sistemas blockchain já existentes e utilizam até as criptomoedas mais populares, como bitcoin.

E o que é Security Token?

Agora que todos entendemos o que é token, vamos mais a fundo. A expansão das criptomoedas representou uma grande democratização na área do investimento digital, uma vez que possibilitou conferir liquidez a ideias que antes não podiam ser abertas para o mercado. Mas essa popularização também teve seu lado negativo, especialmente na questão de segurança, e o security token surge para sanar essas falhas.

Ao contrário das ICOs (Initial Coin Offerings), as STOs (Security Token Offerings) devem representar ativos concretos como fatias do negócio ou divisão de lucros, tornando o investimento mais atrativo para pessoas que acreditam na sua ideia. As STOs também expressam uma segurança muito maior por unirem outras características comuns ao processo de abertura para capital mais tradicional, como a exigência de aprovação da SEC (Securities and Exchange Commission), garantindo mobilidade e dinâmica na hora de fazer um investimento digital, e credibilidade nas formas de participação mais convencionais.

Democratizar para inovar

Um dos pontos mais fortes de todo o conceito que define o que é security token é a democratização de capital. As STOs mantêm abertura a investidores não convencionais, por não limitar o capital de private equity a empresas de venture capital ou investidores já consagrados com grande renda.

A concepção de democratização à inovação e ao mercado de investimentos é um dos grandes focos do hub da ISSO! e é um dos principais motivos para trabalhar dentro de um ecossistema de inovação. Ao manter-se aberta ao balanceamento da relação entre investidores iniciantes, investidores tradicionais, startups e médias empresas, a ISSO! mostra-se empenhada em ampliar o acesso ao empreendedorismo e avanços tecnológicos.

Ainda não entendeu quais são as vantagens do security token?

O criptoinvestimento é uma realidade no mercado, no mínimo, desde 2017. Além da necessidade de manter-se atento aos avanços operacionais do mercado, é importante observar de perto a tendência porque ela traz vantagens como maiores possibilidades de investimento digital. Ou seja, expande o potencial da sua ideia, de forma que os resultados serão acelerados junto com a rapidez com a qual as STOs viabilizaram a abertura para capital.

Os security token dão possibilidade de tornar líquidos bens que antes só podiam ser entendidos como ilíquidos – uma das principais qualidades da definição de o que é token. Frente a isso, é esperado que o cenário de investimentos se expanda ainda mais.

coworking no centro de São Paulo

Equipe ISSO!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *